segunda-feira, 7 de abril de 2014

Histórico da Missão Batista de Ichu fundada em 1997.

Pastor Ivaldo foi o fundador
O trabalho de Missão da Igreja Batista do bairro da Pituba na capital baiana tem se expandido para todo o estado e na pequena cidade de Ichu que fica a 187 km de Salvador teve início mais um dos vários trabalhos Missionário realizado pela Igreja que se destaca pelo amor em propagar o verdadeiro Evangelho de Jesus Cristo. 

Em 11 de Outubro de 1997 aconteceu o primeiro culto Batista na cidade, na época o único trabalho evangélico que existia era da Igreja Assembleia de Deus e tudo tem acontecido por iniciativa do pastor ichuense Ivaldo da Silva Carneiro, atendendo um apelo de seus pais Joel Justino Carneiro já falecido e sua mãe, a senhora Izaura da Silva Carneiro que pertenciam a Igreja Batista Alvorada de Feira de Santana. Sua mãe tinha um sonho de ver a propagação do evangelho pela sua cidade natal Ichu-Ba, não se sabe ao certo, mas talvez, pelo fato de sua filha Ildete da Silva Carneiro ter vindo de Feira de Santana para morar em Ichu.

Ildete - Pioneira
O culto de abertura aconteceu no Barracão Municipal para todo o público, independente de seu clero religioso, na época apenas algumas pessoas da cidade estavam presentes mesmo assim dava para notar que era por pura curiosidade. Na época, além do pastor Ivaldo da Pituba, o Seminarista Jorge do Instituto Bíblico de Feira de Santana estavam também um grupo de irmãos da Igreja mãe que deram por consagrado à abertura do trabalho missionário. 

Ildete era a única moradora da cidade representante Batista e sendo da Igreja Alvorada de Feira de Santana, logo pediu a carta de transferência para a Igreja da Pituba para que o trabalho de missão fosse de fato implantado na cidade já que precisava de pelo menos um membro batizado para continuar. 

Após abertura dos trabalhos a missão deu continuidade na coordenação dos seminaristas Jorge e Rose que vinham de Feira de Santana todos os finais de semana para ministrar a palavra de Deus, os cultos aconteciam em uma residência alugada na Avenida Adalberto Ferreira Santiago que logo em seguida foi para um galpão na mesma avenida. Como todos os inícios são difíceis, os pregadores da época chegavam a ministrar o culto com apenas duas pessoas no salão, Ildete já batizada e José Helinton que foi um dos primeiros a congregar e mesmo assim isso não desanimava os seminaristas. Com o passar dos tempos vieram o irmão Dezinho com sua esposa Maria, além do irmão Vilson com toda sua família ficando cerca de oito, entre membros e congregados.  

Por questões pessoais os seminaristas tiveram que sair e com isso o pastor Samuel e sua esposa pertencente à Missão Batista de Candeal deram apoio necessário para continuidade dos trabalhos, eles sempre traziam um grupo de jovens para cantarem lindos louvores nos cultos e o violão era o único instrumento usado na época. Ildete uma das pioneiras relata que no início houve uma certa resistência por parte de algum membro da família Carneiro que tinha muita influencia na cidade, eles eram muito católicos e defensores de suas crenças a qual lutavam para que a Missão não crescessem na cidade, isso não impediu a expansão dos trabalhos e a Igreja aos poucos foi ganhando adeptos.

Lucinaide foi a 1ª Missionária
A primeira missionária chegou em 14 de março de 1999 que foi Lucinaide Dias dos Santos, ela deu continuação aos trabalhos, doravante feito pelo casal da Missão de Candeal.

Posteriormente Lucinaide teve que ser substituída após um ano e meio há frente da Missão.

A Missionária Marta Maria assumiu no início de 2001, nesta época a missão que começou com apenas um membro já tinha cerca de dez entre membros e congregados. 

Marta foi a 2ª Missionária
Com a chegada de Marta em 2001 a Igreja passou por uma grande transformação, a começar pelo numero de membros e congregados que a cada dia aumentava.

Com aumento de pessoas aos cultos, o espaço ficava pequeno para suportar todas elas que iam em busca de uma mensagem de salvação, isso motivou a Igreja da PITUBA pensar na construção do templo o que se tornou uma realidade dois anos depois.

Lançamento da pedra fundamental
O início da construção do templo foi em fevereiro de 2003 com o lançamento da pedra fundamental. Em outubro do mesmo ano aconteceu à inauguração do templo com uma grande festa que contou com a presença de autoridades locais, membros, congregados e visitantes assim como de lideranças da Igreja da Pituba que é considerada mãe da Missão, no evento de inauguração também estavam os irmãos da Missão da cidade de Candeal. 

Na foto Marta e Ildete no terreno onde
hoje está edificado o templo
Na direção da missionária Marta a Missão cresceu bastante, o povo ichuense se agradava muito da sua forma de propagar a palavra de Deus e aceitavam com bom grado a sua mensagem, ela tratava a todos com um carisma incondicional o que atraía as pessoas que lotavam o templo. Com Marta a mensagem alcançou as comunidades rurais já que era comum a realização de evangelização e retiro na zona rural, onde se abriu dois pontos de pregação, um no povoado de Nova Esperança e outro na comunidade de Retirinho alcançando nesta ultima cerca de dez almas para o Senhor Jesus, hoje todas batizadas. Marta ficou até fevereiro de 2007 quando teve que sair para outra Missão deixando muita saudade. 

Eliomar foi o 1º pastor
Após a saída de Marta veio a seminarista Daniela que ficou apenas três meses na coordenação. Daniela foi substituída pelo missionário Eliomar Rego que logo foi consagrado pastor. Este por sua vez, ficou apenas um ano a frente da missão tendo que sair.

Com a saída de Eliomar a missão ficou um período sem comando e depois passou a ser apoiada pela missionária Cléia que era esposa do pastor Braulino Neto da missão de Candeal que vinha sempre ministrar a palavra e dar o suporte necessário para os irmãos de Ichu.

Ricardo foi o 2º pastor
Em 15 de outubro de 2008 veio o Missionário Ricardo que também se consagrou pastor 6 meses depois, Ricardo ficou até dezembro de 2009 no comando da Missão quando teve que sair para assumir a Igreja Batista Jardins das Oliveiras na cidade de Nazaré das Farinhas.

Após a saída do pastor Ricardo, a missão ficou cerca de 04 meses sem comando e os membros local deram continuidade até a chegada do outro pastor.

Vanderlei Alves é o atual pastor
Vanderlei Alves é o atual pastor, ele chegou em  maio de 2010 e está há quatro anos a frente da Missão que conta hoje com cerca de 40 fiéis entre membros e congregados.

Até o dia do fechamento deste histórico (04 de abril de 2014) já foram cerca de 50 pessoas batizadas pela Missão Batista que ainda precisa do apoio da Igreja mãe da Pituba para se manter financeiramente. 

CONFIRA ALGUMAS FOTOS DA CONSTRUÇÃO DO TEMPLO:
 
TERRENO ONDE FOI CONSTRUÍDO O TEMPLO

PREPARATIVOS PARA O LANÇAMENTO DA PEDRA FUNDAMENTAL

PREPARATIVO PARA O LANÇAMENTO DA PEDRA FUNDAMENTAL

LANÇAMENTO DA PEDRA FUNDAMENTAL

ANDAMENTO DA CONSTRUÇÃO

ANDAMENTO DA CONSTRUÇÃO

ANDAMENTO DA CONSTRUÇÃO

ANDAMENTO DA CONSTRUÇÃO

DURANTE A CONSTRUÇÃO JÁ HAVIA CULTO NO TEMPLO


A TURMA DOS PRIMEIROS CULTOS NO NOVO TEMPLO

TEMPLO QUASE PRONTO
 
TEMPLO EM FASE DE ACABAMENTO


TEMPLO PRONTO



Por Valdir Carneiro com Informações de Ildete da Silva e Lucinaide dos Santos em 07 de abril de 2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário